Vale à pena parcelar fatura do cartão?

O orçamento está apertado esse mês, e você não sabe não sabe como pagar o cartão de crédito?

As instituições financeiras disponibilizam o serviço de parcelamento de fatura e pagamento mínimo do valor para que o cliente evite o cancelamento do cartão e nome sujo.

Mas será que vale à pena parcelar fatura do cartão? Confira a seguir como funciona o serviço de parcelamento de fatura e se vale à pena utiliza-lo.

Como funciona o parcelamento de fatura do cartão?

A maior vantagem de ter um cartão de crédito é poder realizar uma grande compra parcelando o pagamento do produto em valores menores, mas quando as faturas não são pagas em dia, o cliente pode ter o nome sujo e bloqueio do cartão.

Para que os clientes consigam efetuar o pagamento de suas dívidas e evitem transtornos financeiros, as empresas credoras disponibilizam o serviço de pagamento mínimo e parcelamento de fatura.

cartao de credito
Imagem de Steve Buissinne por Pixabay

No caso, se você não conseguir pagar o valor integral da fatura no mês vigente, poderá negociar o pagamento.

No caso do pagamento mínimo o cliente paga o menor valor da fatura, mas o valor restante é lançado para o próximo mês e será incluso taxas de juros, multas e IOF acumulado no crédito rotativo.

Como os juros são mais altos, a maior parte dos clientes opta pelo serviço de parcelamento de fatura.

Parcelar fatura do cartão: como funciona?

O parcelamento da fatura do cartão é um serviço em que o cliente tem a possibilidade de pagar o valor da fatura vigente em parcelas de valores menores, evitando o bloqueio do cartão por atraso em pagamentos e nome sujo.

Entretanto, a cada parcela será cobrada multa, juros e IOF acumulados.

Para parcelar o cartão, o cliente pode entrar em contato com instituição financeira através do aplicativo do seu banco, número de telefone da central de atendimento, internet banking ou pessoalmente nas agências bancárias correspondentes.

Ao efetuar o parcelamento da fatura cartão de crédito, o cliente não poderá atrasar os pagamentos, pois poderá ter seu nome restrito nos órgãos de proteção ao crédito e cartão cancelado.

Caso o cliente realize pagamento de parcelas adiantadas, o valor correspondente aos juros será descontado.

 O limite do cartão é liberado se parcelar fatura?

Apesar de o parcelamento ser disponibilizado para que o cliente realize o pagamento e não perca o direito de usar seu cartão de crédito, o limite fica comprometido de acordo com o valor da fatura parcelada.

Ou seja, conforme for efetuando o pagamento das parcelas, o limite vai sendo liberado para uso.

Vale à pena parcelar fatura do cartão?

O aconselhável é que o consumidor evite ao máximo parcelar fatura do cartão ou pagar o mínimo, pois de todo o modo, no próximo mês a dívida deverá ser quitada e com aplicação de juros.

Além disso, o cliente terá o limite do cartão comprometido.

No entanto, se realmente acredite que nos próximos meses terá o valor restante para efetuar o pagamento, essa pode ser uma boa opção para proteger o nome e evitar a perda do cartão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.